College of LaAndorie Norman
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Christian Oliver Hoult

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Charles Farthingale
Reitor
avatar

Mensagens : 246

MensagemAssunto: Christian Oliver Hoult   Sab Out 10, 2009 7:24 am

FICHA


      • Curso: Psicologia
      • Ano:
      • Idade:20


    DADOS BÁSICOS
      Nome completo: Christian Oliver Hoult
      Apelido: Chris
      Data de nascimento: 04 de Julho de 1990
      Local de nascimento: Liverpool UK
      Estado civil: União Estável.
      Sexo: Masculino
      Raça: Sangue-puro
      Patrono: Um Husky Siberian
      Bicho-Papão: Nunca viu um

      Varinha:
        Macieira
        22 centimetros
        Levemente flexível
        Gota de sangue de dragão
        Especializada em feitiços de transfiguração.
        Cabo levemente talhado em ouro.


    FAMÍLIA
      Seus pais são '''Maya Cox Oliver''' e '''Kurt Luminix Hoult'''. Maya era editora chefe do Profeta Diário. Filha caçula dos Oliver, Maya foi muito mimada pelos pais, todavia, sofreu com as implicâncias dos irmãos mais velhos. Por ser metamorfomaga, sofria com as brincadeiras dos irmãos e dos primos mais próximos. Estudou em Hogwarts, aluna genial da Corvinal, foi capitã do time de quadribol em seu ultimo ano. Antes disso, conseguiu ser monitora, todavia não chegou a ser monitora-chefe, visto que assumiu as responsabildades de capitã do time. Depois que se formou, estudou em outro país a mando dos pais, onde se formou jornalista e já voltou contratada pelo "Profeta". Alguns anos depois, Maya assumiu a edição chefe do jornal, com a aposentadoria do antigo editor. Maya faleceu em novembro de 2008 vitima de um problema de saúde, deixando Chris e Kurt muito abalados.

      Kurt, nasceu filho único e teve desde pequeno todos os mimos dos pais. Aluno brilhante da Sonserina, Kurt desde seu segundo ano era o apanhador do time de quadribol de sua casa, e em seu quinto ano foi nomeado capitão do time. Em seu sétimo ano, recebeu um convite do BallyCastle Bats, e quase não conseguiu passar nos NIEMs, visto que precisava ser liberado de muitas aulas para poder jogar. Se formou, com notas razoáveis e continuou a carreira de jogador de quadribol. Atuou pela seleção inglesa e foi campeão duas vezes da copa mundial de quadribol. Com o dinheiro ganho nos esportes, Kurt banca as despesas altas da esposa e consegue manter um bom nivel econômico. Com a morte da esposa Kurt se apegou mais ainda ao filho, e embora as despesas tivessem diminuído, Chris sempre fora um consumista nato, tal como a mãe.

      Kurt e Maya se conheceram em Hogwarts, eram do mesmo ano, e se conheceram em uma briga numa partida de quadribol, quando Kurt apanhou o pomo, e Maya mirou-lhe um balaço na cabeça. Desde então os dois se apaixonaram e mesmo com a vida tumultuada dos dois, quando Maya voltou de sua formação, casou-se com Kurt, e logo tiveram Christian.


    BIOGRAFIA
      Infância
        Christian foi o último Hoult a nascer em sua geração, assim como sua mãe. A inveja de muitos membros da família fez com que ele nutrisse uma mágoa duradoura de seus parentes, mas nunca demonstrou isso, abrindo sempre um sorriso para os tios e primos. Flho único, foi paparicado por seus pais desde o berço.

        Antes de entrar para Hogwarts teve como educadores seus pais. Kurt ensinou os feitiços básicos, Maya ensinou-o a ler e a escrever.

        Aos 11 anos Kurt matriculou o filho em Hogwarts, após receber a carta convidando.


      Juventude
        Chris foi todo empolgado fazer suas compras para a escola no Beco Diagonal. Madame Malkin confeccionou as melhores roupas para o menino, que fez questão de se vestir muito bem.

        Já no trem, encontrou com alguns conhecidos da família, mas não se misturou muito. Apenas apreciou suas companhias até a escola. Em Hogwarts, teve que lidar com um dilema: com o pai Sonserino e a mãe Corvinal, não tinha idéia de onde iria parar. Seu único receio era ir para a Grifinória. Quando foi posto sobre o chapéu, o mesmo ficou em dúvida se mandava ele pra Grifinória ou Lufa-Lufa... diferentemente do que outros fariam, pensou "Grifinória não... Grifinória não"; e o chapéu ouviu seus pensamentos, sendo levado pra Lufa-Lufa.

        Em casa, não foi motivo de decepção. Na Lufa² teria como melhor mostrar suas habilidades. E foi isso que aconteceu, a cada ano que ía passando Chris se destacava mais e mais, aluno exemplar e de destaque na Lufa, acabou conseguindo privilégios com alguns professores.

        Em seu terceiro ano, entrou para o time de quadribol como batedor - para orgulho da mãe - e foi quando se viu pela primeira vez apaixonado. O capitão do time, um garoto do 7º ano, chamava-lhe atenção, embora nunca tivesse lhe dado muita idéia. Chris ficava sempre até mais tarde no vestiário pra poder tomar banho junto com ele, enquanto ficava se realizando com o capitão. No ano seguinte Markus, o capitão, se formou e Chris teve que lidar com a ausência do mesmo.

        Em seu quinto ano, já agora como o melhor aluno da Lufa e o melhor do time de quadribol da Lufa, Chris se apaixonou novamente. E mais uma vez por um garoto do 7º ano. Mas dessa vez Chris não queria deixar passar em branco, e após uma aula de poções nas masmorras, após todos terem subido as escadas, Chris segurou o garoto pelo braço, respirou fundo, encarou-o e deu-lhe um beijo. Foi o seu primeiro beijo, aos 15 anos. Acabou levando um soco na cara, embora tenha sido correspondido e duas semanas depois estava tendo seu primeiro relacionamento, escondido, com um garoto mais velho.

        No ano seguinte, Chris prometeu amor eterno a Edward... mas não era isso que Chris queria, ainda... era jovem, tinha muito o que conhecer... Contou aos pais sobre sua sexualidade, e isso foi motivo de choque por parte do pai, que pensou em tira-lo da escola, e só não o fez pelo filho ser excelente aluno e jogador de quadribol. Kurt demorou um pouco a entender a opção do filho, mas acabou acatando, embora ainda tente esconder dos outros parentes.

        Em seu ultimo ano em Hogwarts Chris se apegou demais a Henry Coulbert, 2 anos mais novo, com quem fez grande amizade e nutriu grande carinho, chegando a confundir com uma paixão. Quando a mãe de Chris faleceu foi Henry quem mais deu força ao amigo, que acabou se isolando de todos no salão da Lufa, saindo somente para estudar e raros banho de sol. Não queria comparecer a formatura e a despedida de Henry foi dura. Pensou em não continuar os estudos, mas acabou sendo convencido pelo pai.


      Adulto
        Com a morte da mãe Chris pensou em largar os estudos, mas devido a suas boas notas resolveu continuar os estudos, seguindo um pedido de seu pai. Assim, como a maioria dos amigos de Hogwarts daquele ano, foi para CLAN.

        Os primeiros 3 meses foram evitando alguns amigos e conhecidos, embora não conseguisse se desvencilhar de todos, mas logo se arrumou com outras pessoas e voltou a falar com os velhos conhecidos. Num dos passeios pelo campus conheceu Victor, um senior de Artes que chamou atenção de Chris. Os dois foram apresentados, saíram, se conheceram e acabaram se envolvendo profundamente.

        Não demorou para que os dois assumissem o namoro, mas Victor estava de mudança para a França naquele ano e Chirs mais uma vez viu sua chance de ser feliz com alguém ir embora, quando então foi surpreendido pelo pedido de Victor: o mais velho queria que Chris se mudasse com ele para Cannes. Chris não exitou, arrumou as malas e foi para o outro país com seu amado.

        Enquanto esteve na França o casal viveu bons momentos. Chris continuou os estudou em Psicologia numa pequena universidade bruxa local, enquanto Victor, que era francês, ajudava Chris a dominar o novo idioma. Chris cresceu, acabou se desenvolvendo e sempre dedicado aos estudos, mas a relação com Victor estava ficando desgastada. Sempre que saíam juntos em eventos de Arte, as pessoas focavam mais em Chris que era mais jovem, bonito e carregava o nome dos pais.

        Pouco depois de completarem um ano juntos, Victor falou que não tinha como bancar mais os gastos de Chris nem a mania dele de ser o centro das atenções, então pediu que o garoto fosse embora. Detruído, Chris voltou para a casa do pai, pedindo que Kurt cuidasse de toda a transferência dele de volta para CLAN, onde retornará seus estudos no segundo semestre de 2011.


    APARÊNCIA
      Altura: 1,78m
      Peso: 63kg
      Físico: Chris tem o corpo malhado, embora não seja bruto, os olhos azuis, os cabelos lisos e loiros, são curtos.
      Vestuário: nenhuma forma especifica, usa a roupa que tiver pela frente, mas

      preferencialmente as mais justas
      Outros:
      Personalidade usada: Boyd Holbrook


    PERSONALIDADE
      Falso e estrategista, embora não demonstre nada disso. Chris se esconde atrás da cara de bom menino, e é super simpático com todas as pessoas. Segue a risca a frase de um de seus primos: ''bom ter os amigos por perto, melhor ainda os inimigos''.

      Chris é inteligente e faz questão de demonstrar isso. Não tem pena de ninguém. E tampouco confia em qualquer pessoa. Não gosta de receber ordens, mas as aceita de seus superiores sem obstruções.


    IDIOMAS
      • Inglês Britânico;
      • Francês


    ANOTAÇÕES DIVERSAS
      -Not


    DADOS OFF
      Apelido: Zac
      MSN: isac.queiroz@gmail.com
      Outro link desejado: http://twitter.com/justunreal
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://clan.forumais.com
 
Christian Oliver Hoult
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Oliver vai conhecer seu filho? Stephen Amell comenta a respeito

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
College of LaAndorie Norman :: Cadastro :: Matrículas :: Fichas-
Ir para: